Como manter um diário de cores e ver o mundo de outra forma

Inovação

Liberta a tua mente, estabelece ligação com o meio envolvente e desenvolve o teu músculo criativo com esta prática diária simples. Quatro designers da Nike mostram-te como fazer.

Última atualização: 3 de janeiro de 2022
Leitura de 7 min

"Mãos à obra" é uma série onde irás descobrir técnicas táteis de especialistas inovadores.

"Dizem que a cor é toda uma linguagem", afirma a Jaana Beidler. "É uma linguagem sem palavras que estabelece ligação connosco de forma intuitiva e profunda. Transporta muitas emoções."

A cor é uma linguagem na qual a Jaana, enquanto Senior Director of Color Design da Nike, é fluente, e que ela queria continuar a usar com a sua equipa unida quando começaram a trabalhar de forma remota devido à pandemia. Depois de ter lido que geralmente a criação de um diário ajuda as pessoas a processarem momentos difíceis e de crise, a Jaana teve a ideia de fazer o mesmo... mas com o seu toque pessoal.

"Pelo menos para mim, as palavras não são algo fácil. Eu penso em cores", afirma a Jaana. "Logo, em vez de escrever um diário, criar um diário de cores pareceu-me algo que teria mais impacto no nosso caso." Nesse sentido, a Jaana convidou os membros da sua equipa a começarem a documentar os elementos visuais que os surpreendiam no dia a dia. Em casa e nos respetivos bairros, começaram a prestar atenção à beleza subtil dos detalhes do dia a dia: sinais de trânsito de elevada visibilidade que se destacam do ambiente natural, uma flor rosa vibrante que murcha com o passar dos dias, os tons azuis e verdes brilhantes dos campos de ténis e de futebol agora vazios e sem uso, entre muitas outras coisas.

Assiste ao vídeo acima para aprenderes métodos para elaborares um diário de cores com a Jaana e outras designers da Nike e para descobrires os benefícios mentais e emocionais desta prática criativa. Abaixo, explora o guia passo a passo, exemplos de registos do grupo e um modelo para te ajudar a começar o teu próprio diário de cores.

Mãos à obra: como manter um diário de cores

Guia passo a passo para criar um diário de cores

Passo 1: Observar

Começa simplesmente por olhar à tua volta com curiosidade e propósito. "Repara nas formas, nas texturas, nas cores e na forma como interagem entre si… [é] quase um processo meditativo", afirma a Nicola Trigg, Senior Design Director da Nike e colega de diário de cores.

Faz uma caminhada, demora o tempo que precisares e não te foques demasiado na ideia de encontrar algo épico. É apenas uma questão de limpar a mente, observar os detalhes e prestar atenção ao meio envolvente e às sensações. "Pode ser algo tão simples como uma folha no chão, as nuvens gigantes no céu ou o facto de todas as pessoas terem caixas de correio estranhas", refere a Nicola.

Passo 2: Captar

Em seguida, documenta as descobertas. "Todos tiramos tantas fotografias, por isso, obviamente podes usar a câmara do telemóvel, mas também é divertido tentar fazê-lo de uma forma muito analógica", afirma a Jaana. "Podes pegar em algo que encontres ao longo do percurso, colocá-lo no diário e observar com atenção. Escolhe algo real e tangível."

"Outras ideias? Pega num bloco de notas, desenha o que vês e pinta as cores nas páginas", sugere a Chiyo Takahashi, também Senior Design Director da Nike. "Acho que não existe uma forma certa ou errada", afirma.

Na altura das filmagens, a Jaana, a Chiyo, a Courtney e a Nicola eram membros da equipa de design de cores da Nike, que é responsável por observar o mundo e transformar as tendências da sociedade em paletas de cores sazonais para o calçado, o vestuário e o equipamento da Nike. Desde essa altura, algumas dessas pessoas mudaram de funções na Nike, mas a teoria da cor continuará a ser, sem dúvida, uma paixão para toda a vida.

Passo 3: Identificar

Assim que tiveres a tua imagem ou objetos, cria uma paleta selecionando cores individuais que captem a tua atenção. Podes usar ferramentas tradicionais como marcadores, tintas e lápis de cor, ou optar pelo método digital com o computador ou telemóvel, usando uma aplicação com uma ferramenta de seleção de cores.

"A magia passa por aquilo que capta a atenção dos teus olhos e do teu cursor", afirma a Chiyo. "Dependendo de onde clicas, as cores são muito diferentes, logo, tens de recorrer à tua intuição e àquilo que te parece correto para resumir o que estás a ver. Passa, definitivamente, por um processo de edição."

"Para mim, é quase como analisar e desafiar as minhas próprias ideias", acrescenta a Jaana. "Reparei, ao longo dos anos, que sou atraída para certas coisas. Estou a tentar sair da minha própria zona de conforto. Estou a usar cores que geralmente não seriam a minha escolha."

Em seguida, dá um nome às tuas cores, com base nas tuas experiências e reflexões. Para a Courtney Dailey, Product Design Vice President da Nike, é também aqui que começa a diversão. "Por vezes, é uma forma de sermos um pouco atrevidos", afirma. Alguns exemplos do grupo? Closed Down Brown, Rotting Rainbow Chard e Plastic Flamingo Pink, apenas para dar alguns exemplos.

Passo 4: Refletir

Por último, liberta os teus pensamentos. O que te fazem lembrar as cores? Como te fazem sentir? Em que estavas a pensar naquela altura? Tal como a Jaana e os outros membros da equipa descobriram, é neste passo que pode ocorrer grande parte do crescimento e da introspeção.

"Acho que confere outro nível de introspeção", afirma a Chiyo, que ficou impressionada com a cor bege apelativa das prateleiras vazias nos supermercados no início da pandemia. "A criação de um diário ajuda-me verdadeiramente a processar a forma como me sinto num determinado momento. Aumenta a tua consciência do mundo e a tua capacidade de ser mais curioso e mais aberto."

Inspira-te nos registos abaixo...

1/3
Mãos à obra: como manter um diário de cores

Experiência de atribuição de nome: TUDO TONS NEUTROS COM TAPUMES
Data: sábado, 18 de julho de 2020
Pensamentos e observações: "Muitas empresas na baixa de Portland têm as janelas e portas protegidas com tapumes. Caminhar nessas ruas vazias gera um sentimento de tristeza e estranheza. Quem pintou estes blocos de cor no contraplacado? A paleta de cores é insípida e desoladora, como o momento que estamos a viver. Ao continuar a olhar, começo a ver uma beleza humilde e esperança." [Texto e fotografias da Jaana. Elaboração do layout da equipa Nike Journal.]

2/3
Mãos à obra: como manter um diário de cores

Experiência de atribuição de nome: CELEBRAÇÃO DA BELEZA DA DECADÊNCIA
Data: domingo, 12 de abril de 2020
Pensamentos e observações: "Adoro a forma como as pétalas mudam de cor à medida que murcham. Isto levou-me a pensar no conceito de beleza, o que me conduziu a uma das minhas citações favoritas de Johann Wolfgang von Goethe: "A Beleza é uma manifestação de leis naturais secretas que de outro modo teriam permanecido escondidas de nós para sempre." O que é a beleza? Se observares, existe beleza em todas as fases, em todos os momentos, em todas as coisas." [Texto e fotografias da Nicola. Elaboração do layout da equipa Nike Journal.]

3/3
Mãos à obra: como manter um diário de cores

Experiência de atribuição de nome: OBJETOS NA FLORESTA/TONS BRILHANTES INDUSTRIAIS EM CONTRASTE COM FUNDOS NATURAIS/CORES UTILITÁRIAS PRAGMÁTICAS
Data: quinta-feira, 26 de março de 2020
Pensamentos e observações: "Com os parques locais encerrados, fizemos uma longa caminhada no campo para esticar as pernas e respirar um pouco de ar fresco. Durante a caminhada, documentei várias marcações da estrada, sinais de trânsito e caixas de serviços públicos pelos quais fomos passando. Senti-me intrigada pelo contraste destes objetos criados pelo homem com a paisagem natural. Estas cores são meramente funcionais, não se baseiam no design e resultam apenas de necessidades." [Texto e fotografias da Chiyo. Elaboração do layout da equipa Nike Journal.]

... e cria o teu próprio diário de cores

A maior lição da equipa? Deixa que o diário seja mesmo teu. O que quer que te chame a atenção, o que quer que queiras documentar, quaisquer pensamentos ou emoções que te venham à cabeça enquanto pensas. É uma criação tua.

Utiliza a elaboração de um diário como uma oportunidade para reduzir o stress e aprofundar a tua capacidade criativa e de observação. Aquilo que o distingue do trabalho e dos prazos é o que torna a elaboração de um diário de cores tão especial e importante para a Courtney. "É apenas criatividade pela criatividade", afirma.

Eis um modelo que podes usar para começar. Se preferires, podes criar o teu próprio modelo. Não existe uma forma errada de criar um diário de cores.

(Nota: PDF disponível apenas em inglês.)

Vídeo: Azsa West
Texto: Brinkley Fox

Escrito em: novembro de 2020

Histórias relacionadas

Como limpar as sapatilhas de running e ter um impacto menor no planeta

Inovação

Como limpar as sapatilhas de running e ter um impacto menor no planeta

Dar nova vida às sapatilhas antigas com ingredientes naturais

Inovação

Dar uma nova vida a sapatilhas antigas... com laranjas, nozes e farinha?

Mãos à obra: como produzir biomateriais

Inovação

Como produzir biomateriais e criar o futuro desde a tua cozinha

Por cima das nuvens: campos no topo dos edifícios em Hong Kong

Inovação

Acima das nuvens: campos no topo dos edifícios em Hong Kong

12 formas de prolongar a vida das tuas sapatilhas de running

Inovação

Quilometragem máxima: 12 formas simples de prolongar a vida das tuas sapatilhas de running